Methodology for green and built volume analysis

Mercator – Ano 2018

Autores desta publicação

Baixar uma cópia desta publicação

Documento no formato PDF
Formato do arquivo: Documento Adobe PDF
Tamanho do download: 2,679 MB

Resumo da publicação

Hoje, em algumas cidades brasileiras, apresenta-se possibilidade de utilização de dados de alta resolução e de classificação automatizada baseada em bandas espectrais.Assim, este artigo tem por objetivo avaliar a associação do índice espectral NDVI (Normalized Difference Vegetation Index) ao uso do LiDAR, visando analisar a cobertura vegetal urbana e as transformações de suas paisagens.Observou-se que a associação da alta resolução espacial de uma imagem aerofotogramétrica à resposta espectral na faixa do infravermelho próximo permitiu a identificação otimizada da cobertura vegetal arbórea. Viabilizando a documentação, visualização e análise dos fenômenos do lugar, facilitando a investigação das relações espaciais, através da representação por mapas, gráficos e principalmente para simulação de possíveis cenários espaciais, além disso, possibilitou avaliar intervenções e realizar previsões, auxiliando projeto ou proposta de leis e parâmetros urbanísticos.

Citação:SENA, Italo Sousa de; CASAGRANDE, Pedro Benedito; ROCHA, Nicole Andrade; FONSECA, Bráulio Magalhães; MOURA, Ana Clara Mourão. Methodology for green and built volume analysis. Mercator, Fortaleza, v. 17, e17021, 2018. p. 1-13.

Disponível em:
http://www.mercator.ufc.br/mercator/article/view/e17021

Abstract (english text)

Today, in some Brazilian cities, there is the possibility of using high-resolution data and automated classifi- cation based on spectral bands. Thus, this article aims to evaluate the association of the NDVI(normalized difference vegetation index) to the use of LiDAR, in order to analyze urban vegetation cover and the changes of the local landscapes. It was observed that the association of the high spatial resolution of an aerophotogrammetric image to the spectral response in the near infrared range allowed the vegetation to be identified. This enabled the documentation, visualization and analysis of a location’s phenomenon, facilitating the investigation of spatial relationships through representation by maps, charts, especially for simulating possible spatial scenarios and thus permitting the evaluation of interventions and predictions to be made, assisting projects or proposed laws and urban parameters.

Autores do laboratório

  • Prof. Ana Clara Mourão Moura
    Prof. Ana Clara Mourão Moura
    COORDENADORA
  • Prof. Bráulio Magalhães Fonseca
    Prof. Bráulio Magalhães Fonseca
    Professor e Pesquisador Geodesign
  • Nicole Andrade da Rocha
    Nicole Andrade da Rocha
    Bolsista de Doutorado
  • Pedro Benedito Casagrande
    Pedro Benedito Casagrande
    Aluno de Doutorado em Geologia
  • Ítalo Sousa de Sena
    Ítalo Sousa de Sena
    Aluno de Doutorado